Select Page

Marketing & Branding

O que é Branding?

03 de março de 2022

Com certeza já ouviu falar sobre branding não é mesmo? Muita gente acredita que branding é a mesma coisa que identidade visual. SPOILER: não é!
 
Confira este vídeo, onde o CMO da VFR Tech, Luis Bei, explica de maneira simples e direta o que é branding e qual é o sua importância nas organizações.
 
O “3min VFR” é uma iniciativa que visa explicar os principais conceitos da tecnologia, marketing e gestão em vídeos curtos, que vão direto ao ponto de cerca de 3 minutos de duração.
 

Transcrição do vídeo

Já ouviu falar em branding mas não sabe exatamente do que se trata? Que tal descobrir em menos de 3 minutos? 

 Olá! Seja muito bem-vinda, seja muito bem-vindo ao 3 minutos VFR, um canal com dicas, insights e explicações sobre marketing, tecnologia e gestão! 

 Ok, branding….   

 Quando vai ao supermercado e precisa comprar algum produto, o que te faz escolher determinada marca ao invés de outra? Somente o preço? Suas lembranças de infância? A qualidade do produto em si? O “mais conhecido”? A indicação de amigos? Tudo isso junto?? 

 Para entendermos branding, precisamos entender seu objetivo, que é de fazer as marcas serem lembradas por seu público. O termo, é derivado da palavra brand, que significa marca. Então, branding são os esforços para posicionar e valorizar uma marca em seu mercado de atuação. 

 Mas isso não seria o marketing? 

 Mais ou menos…. de fato, são os profissionais da área de marketing que auxiliam na construção do branding. Porém, podemos entender o branding como uma das frentes do marketing, que é um grande guarda-chuva, que envolve diversas outras ferramentas e possibilidades. 

 Voltando ao branding, posicionar uma marca em mercados complexos não é uma tarefa fácil. Para que ela seja lembrada e até mesmo admirada, são necessários esforços em diversas frentes que envolvem diversos setores de uma empresa. 

 Tradicionalmente, uma boa estratégia de branding busca definir e estabelecer ao menos três elementos chave para a organização, que seriam  

 Target audience, que se refere aos diferentes públicos que são impactados pela marca, como clientes, parceiros, funcionários e acionistas, por exemplo; 

 Frame of reference, que nada mais é do que conhecer os concorrentes diretos e indiretos, bem como todo o ambiente econômico, político e legal em que a empresa está inserida.  

E, por último, o point of difference, que é justamente o grande diferencial daquele produto ou serviço em relação à concorrência.  

Vale ressaltar que na maioria das vezes esse ponto de diferenciação é algo subjetivo e não necessariamente funcional.

Se tomarmos como exemplo a Coca Cola que vende “felicidade líquida” (e não apenas água gaseificada com corante e açúcar), conseguiremos entender que essa diferenciação se alinha muito com o discurso e o posicionamento de uma marca e não necessariamente o valor funcional que ela entrega. 

Portanto, o branding visa gerar uma percepção de valor ao público para, então, posicionar uma marca em um mercado. 

Para acompanhar mais dicas e vídeos inscreva-se em nosso canal, e acesse nossa página no Linkedin e Instagram.

 

Quer receber novos artigos de Nosso Blog?Assine Gratuitamente a Newsletter VFR Tech

Não enviamos SPAM

Fale conosco no WhatsApp!